Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

MOSTRA DE ATIVIDADES

COMEMORAÇÃO DOS 50 ANOS DO 25 DE ABRIL DE 1974

Agrupamento de Escolas Barbosa du Bocage

Concelho: Setúbal

Criar Abril

Integrar Abril

Abril sem censura

Partilhar Abril

Outros...

Abril por cá

Desafios

Fazer Abril

As bibliotecas escolares do AE Barbosa du Bocage desenvolveram, ao longo deste ano de comemorações dos 50 anos de ABRIL, variadas atividades que assinalaram a data e levaram as crianças e os alunos do agrupamento a pensarem, a contactarem, a discutirem, a argumentarem e a ouvirem testemunhos de época e testemunhos vivos.A comemoração do 25 de abril de 1974 foi vivido intensamente pelas bibliotecas do agrupamento. Partilharam-se posts nas redes sociais, fizeram-se trabalhos de pesquisa e recolheram-se testemunhos locais sobre o período da ditadura, conduziu-se os alunos à reflexão e ao exercício do que é ser livre, fizeram-se criações artíticas e exposições, marchou-se pelo 25 de abril e pela liberdade.

Partilhar Abril

O clube de rádio escolar recolheu testemunhos , cartazes, fotografias, e objetos de familiares, professores e amigos que viveram a ditadura ou que passaram pela experiência da revolução de 25 deabril. Os testemunhos estão gravados e fazem parte do podcast "ABril depois de abril".

Abril Por Cá

As atividades realizadas envolveram todos os ciclos de escolaridade do agrupamento, incluíndo as salas de pré-escolar. Refletir, pensar, debater foram os exercícios de liberdade propostos.

Fazer Abril

Alunos, professores e outros elementos da comunidade educativa criaram as suas mais variadas representações da liberdade, perpetuando, desta forma, os valores, os símbolos e os sentidos da revolução de 25 de abril de 1974.

Criar Abril

Os alunos dos 2º e 3ºciclos participaram em massa nesta atividade, quer através das Conversas de abril, quer através da participação no evento organizado pela CMS e em parceria com o plano nacional das artes, apresentando o manifesto, na manifestação "Venham mais vinte cincos".

Integrar Abril

Exposições, leituras de excertos de livros, exploração de obras que em tempos foram censuradas e proibidas de ler e que agora podemos tomar consciência das suas temáticas e promove-las junto das camadas mais jovens.

Abril sem censura

Som de fundo da apresentação do genially

Outros

Créditos: