Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

No Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, as BE do AEAL sugerem...

Mês internacional das bibliotecas escolares

ver sinopse

ver sinopse

A vida escondida entre os livros

Experience

A biblioteca secreta de leonardo

de Francesco Fioretti

A oficina dos livros proibidos

de Eduardo Roca

Dísponíveis para empréstimo domiciliário

de Stephanie Butland

ver sinopse

Sinopse da Editora Thriller com Leonardo da Vinci Um grande génio sempre em busca da verdade. Um famoso matemático confrontado com um homicídio terrível. Milão, 1496. Leonardo da Vinci estava desejoso de conhecer o frade Luca Pacioli, famoso matemático e aprendiz de Piero della Francesca. Enquanto espera na cela do mosteiro do frade, Leonardo debruça-se sobre uma pintura, surpreendido com as suas alegorias e as suas referências à geometria euclidiana: cada detalhe devia ter sido escolhido pelo próprio Pacioli. Para Leonardo, sedento de conhecimento, a matemática, que ele não tivera oportunidade de aprender, sempre fora a mais sublime de todas as ciências. Foi para aprender com ele que convidou o frade franciscano a ir a Milão. O encontro de ambos, no entanto, é perturbado pelo assassínio do ocupante da cela ao lado da de Pacioli: um autointitulado sacerdote que é, na realidade, um ladrão. Roubara alguns textos bizantinos antigos chegados a Itália após a ruinosa cruzada de Sigismondo Malatesta na Moreia. Leonardo e Pacioli têm um grande interesse nesses livros que desapareceram com o assassino... Neste quadro inesquecível da Itália renascentista, Francesco Fioretti guia-nos através dos anos mais prolíficos e intrigantes de Leonardo - os da Última Ceia, do Homem de Vitrúvio, da criação de máquinas surpreendentemente modernas - envolvendo-nos numa atmosfera cheia de mistério durante a investigação de um crime.

Sinopse da editora Colónia, alvores do século XV. Ares de reforma e de mudança assolam uma Europa governada ainda pelas superstições e velhas crenças. A difusão do saber está em poder de uns poucos. No entanto, um pequeno grupo de sábios e eruditos que se reúne na mais absoluta clandestinidade está ligado por uma ambição comum: a transmissão cultural ao povo. Como? Através dos livros. Antes, porém, terão de se esquivar das reticências da Igreja - que não deseja que obras «perigosas» como os Evangelhos cheguem ao povo - e das dos nobres - que não querem perder os seus privilégios. Só um homem, um modesto ourives chamado Lorenz, ajudado pela filha, será capaz de aceitar o desafio. Mesmo que o preço que poderia pagar por semelhante ousadia seja o mais caro: a sua vida e a de todos aqueles que o rodeiam.

Sinopse da editora No coração de York, em Inglaterra, uma pequena livraria tornou-se o refúgio da jovem Loveday Cardew — o único sítio em que a tímida livreira se sente segura. Só aí pode cuidar dos livros da mesma forma que os livros cuidam de si, ensinando-a a entender os sentimentos que a inquietam: a solidão, com Anna Karénina; a alegria de viver, com A Feira das Vaidades; as paixões avassaladoras, com O Monte dos Vendavais. Depois de uma tragédia que lhe roubou tudo, uma infância passada com uma família de acolhimento e um relacionamento falhado, não é de admirar que Loveday prefira os livros às pessoas. Até que um dia, numa paragem de autocarro, ela encontra um livro perdido. Em busca deste livro surge Nathan, um poeta que se deixa encantar pela jovem livreira mas que não consegue quebrar a sua barreira de gelo, a não ser com a ajuda de Archie, o excêntrico dono da livraria onde trabalha. Mas é quando os livros da sua infância começam a aparecer misteriosamente na livraria, que Loveday terá de aprender a confiar nos outros, para descobrir quem será a pessoa do seu passado que está a tentar contactá-la. Terá ela coragem para revelar a vida que, durante tantos anos, tentou esconder entre os livros?

ver sinopse

ver sinopse

A Biblioteca das sombras

Experience

A rapariga que roubava livros

de Markus Zusak

A rapariga que sabia ler

de Frances Hardinge

ver sinopse

Dísponíveis para empréstimo domiciliário

de Mikkel Birkegaard

Sinopse da Editora Quando a morte nos conta uma história temos todo o interesse em escutá-la. Assumindo o papel de narrador em A Rapariga Que Roubava Livros, vamos ao seu encontro na Alemanha, por ocasião da segunda guerra mundial, onde ela tem uma função muito activa na recolha de almas vítimas do conflito. E é por esta altura que se cruza pela segunda vez com Liesel, uma menina de nove anos de idade, entregue para adopção, que já tinha passado pelos olhos da morte no funeral do seu pequeno irmão. Foi aí que Liesel roubou o seu primeiro livro, o primeiro de muitos pelos quais se apaixonará e que a ajudarão a superar as dificuldades da vida, dando um sentido à sua existência. Quando o roubou, ainda não sabia ler, será com a ajuda do seu pai, um perfeito intérprete de acordeão que passará a saber percorrer o caminho das letras, exorcizando fantasmas do passado. Ao longo dos anos, Liesel continuará a dedicar-se à prática de roubar livros e a encontrar-se com a morte, que irá sempre utilizar um registo pouco sentimental embora humano e poético, atraindo a atenção de quem a lê para cada frase, cada sentido, cada palavra. Um livro soberbo que prima pela originalidade e que nos devolve um outro olhar sobre os dias da guerra no coração da Alemanha e acima de tudo pelo amor à literatura.

Sinopse da editora Depois de Mosca Mye «acidentalmente» pegar fogo ao moinho onde o tio a acolheu após a morte do pai, esta rapariga de doze anos não tem outra alternativa senão fugir da aldeia onde vive e ir em busca de outras oportunidades. Mas as coisas não vão correr exactamente como ela pensava. É que Mosca tem um dom bastante invulgar na sua comunidade, sabe ler, e esse facto mudará o seu rumo a caminho de Mandelion, onde uma série de circunstâncias a conduzirão ao centro de uma intriga política sem precedentes… Uma história mágica sobre o poder inspirador dos livros para construir um mundo melhor.

Sinopse da editora No coração de Copenhaga, a livraria Libri di Luca é mais do que uma simples loja de livros velhos e usados. Quando o proprietário Luca Campelli morre de forma inesperada, o seu filho Jon, um proeminente advogado, ver-se-á envolvido num mistério inquietante. Jon não planeia trocar a sua carreira pela livraria, mas, após uma tentativa de fogo posto à Libri di Luca, descobre que o pai era o líder de uma sociedade secreta de leitores e amantes de livros, os Lectores, criada para preservar uma tradição oculta que remontava à época do esplendor da Biblioteca de Alexandria. Os Lectores eram pessoas dotadas de um misterioso poder, tão fantástico quanto perigoso, que lhes permitia seduzir o leitor com histórias extraordinárias, evocar mundos imaginados, mas também manipulá-lo e levá-lo a pensar exatamente aquilo que queriam. Quanto mais Jon descobre, mais fica com a certeza de que a morte do pai nada teve de natural. Haverá uma conspiração no seio dos Lectores? Após inúmeras questões que escapam à sua compreensão, o jovem advogado ver-se-á obrigado a investigar as suas raízes para salvar a própria vida. Uma leitura fascinante e perigosa, repleta de reviravoltas e suspense, que conduzirá o leitor a fronteiras inimagináveis.

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS AMATO LUSITANO

Biblioteca escolar

Mês internacional das bibliotecas escolares