Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

Trabalho Realizado por:Rodrigo Oliveira N:19 8.C

O absolutis morégio na europa nos séc.XVI a XVIII

Durante os séculos XVI a XVIII, a maioria dos países europeus apresentou um conjunto de características semelhantes que ficou conhecido por Antigo Regime.
O que foi o Antigo Regime?

Introdução

Fim
Iluminismo
Reconstrução
Marquês de Pombal
Reis Absolutos
Ideias Iluministas
Método Científico
Mentalidade Barroca
Arte Barroca
Economia Portuguesa
Mercantilismo
Estrutura Económica
Sociedade
D.João V
Absolutismo

Indíce

Os monarcas absolutos alegavam que o seu poder era sagrado, usando a justificação que tinham sido escolhidos por Deus para governar e, por isso, as suas ordens eram a interpretação da vontade divina.

Princípios do absolutismo

D.João V nunca convocou Cortes, não "ouvindo" os concelhos e queixas dos três Estados. Cultivou junto dos súbditos uma imagem paternalista, de preocupação e interesse pelos seus problemas e pelos do reino, mas esta atitude foi mais um modo de impor e afirmar o seu poder.

Como governou o rei absoluto D.joão V?

Durante o Antigo Regime, a sociedade europeia continuava organizada em três ordens ou estados sociais: clero, nobreza, povo ou terceiro estado.Quem pertencia a cada uma destas ordens tinha funções, priviégios e obrigações bem distintas.Era o seu lugar na sociedade de ordens que determinava as possibilidades de sucesso de cada um.

Organização da sociedade

A atividade económica mais importante, e que ocupava a maioria da população, era a agricultura. A maioria das propriedades continuava a ser dos grupos priveligiados e os camponhoriais. Sem capacidade ou interesse de investimentos nas propriedades, as técnicas agrícolas continuavam arcaicas e a produtividade baixa.

Estrutura Económica

Para combater esta crise comercial, o rei D. Pedro II adotou medidas mercantilistas, que foram implementadas pelo Conde da Ericeira, D. Luís de Meneses, seu ministro da Fazenda. Inspirado no modelo francês e em Colbert, o governante procurou equilibrar a balnça comercial.

Como foi aplicado o mercantilismo em portugal?

A política de desenvolvimento das manufaturas, proposta pelo Conde da Ericeira, não teve os efeitos esperados. Os comerciantes ingleses reagiram a estas medidas, diminuindo a importação de vinho português. Muitos viticultores, na maioria nobres, criticavam estas medidas, sentido-se afetados por elas.

Como evoluiu a economia portuguesa no inicio do séc.XVIII

O barroco afirmou-se como uma arte para impressionar.A arquitetura civil e religiosa caracterizava-se pela grandiosidade e riqueza de decoração, com o preenchimento de quase todos os espaços com escultura , pintura, talha dourada e azulejo(horror ao vazio).

A Arte barroca

Os palácios, os jardins, a corte e as igrejas tornaram-se locais de exibição de poder. A mentalidade Barroca era marcada pelo desejo de fascinar, seduzir e exibir riqueza, mostrando o estatuto social através dos comportamentos, dos trajes e dos espetáculos.

A mentalidade Barroca

A europa do renascimento deu os primeiros passos na construção do método científico. Com os Descobrimentos, as viagens de exploração e a mentalidade humanista assistimos no séc.XVII e XVIII, a uma nova conceção do mundo e da ciência, construidas sobre as bases da valorização da observação, da experiencia e da razão.

Método científico

No século XVIII, desenvolveu-se, Na Europa e na América do Norte, um novo movimento cultural, o iluminismo, que tinha como principal característica a nova valorização atribuída, no século XVII, às luzes da Razão e que culminou com a revolução científica. O movimento das Luzes surgiu na Inglaterra, mas foi na França o país que mais contribuiu para a sua difusão.

Ideias iluministas

Os pensadores iluministas defendiam o respeito pela dignidade humana garantida através de direitos como a liberdade, a igualade e a tolerância. Estes são, ainda hoje, princípios fundamentais dos direitos humanos. Em algumas cortes europeias, os reis rodearam-se de filósofos, cientistas, poetas, escritores, entre outros, e mostraram interesse em aplicar as novas ideias na sua governação através da implementação de reformas que tinham por objetivo a modernização do Estado e o bem- estar de todos os súbditos, independentemente do grupo social a que pertenciam.

Como os reis absolutos foram influenciados pelas ideias iluminisas?

No reinado de D.José I (1750-1777), filho de D.João V, destacou-se a ação governativa de Sebastião José de Carvalho e Melo,Marquês de Pombal, que acabou por dirigir todos os negócios do país em nome do rei. A sua governação seguiu as linhas do despotismo esclarecido com o objetivo de fortalecer o poder do Estado e modernizar o país.

O que fez marquês de pombal para recuperar a economia portuguesa?

No dia 1 de novembro de 1755, dia de Todos os Santos, Lisboa estremeceu com um terramoto, seguido de um maremoto e de vários incêndios, que levaram à morte de milhares de pessoas e destruíram centenas de edifícios

Reconstrução da cidade de lisboa

Seguindo a tendência de outros países da Europa, o Marquês de Pombal empreendeu um conjunto de reformas que visavam o fortalecimento do poder do Estado.

Como o iluminismo influenciou o governo do Marquês de pombal

Trabalho Realizado por:Rodrigo Oliveira N:19 8.C

Fim!