Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

Afonso Carvalho nº1, Álvaro Pinto nº2, Gonçalo Caixeiro nº11, Gabriel Matias nº30

Alimentação Sustentável

Índice

Fermentação

Alimentos desidratados e liofilizados

Genética na sustentabilidade alimentar

Produção local e consumo sazonal

Fermentação

A fermentação é um processo bioquímico no qual microrganismos como bactérias, leveduras e fungos transformam componentes dos alimentos noutros produtos químicos, como ácidos, gases ou álcool.

A fermentação lática é um processo bioquímico no qual bactérias do ácido lático transformam açúcares, como a glicose, em ácido lático.

01.Fermentação Lática

Info

Info

fermentação homolática Fermentação heterolática

Tipos De Fermentação Lática

Preparação dos IngredientesInoculaçãoFermentaçãoArmazenamento

Processo básico de fermentação lática

Beneficios da fermentação lática

Aumento da vida útilAumento da biodisponibilidadeDesdobramento de proteínasProbióticosPerfil sensorial único

A fermentação alcoólica é um processo bioquímico onde leveduras convertem açúcares em etanol e dióxido de carbono. Esse processo é crucial para a produção de bebidas alcoólicas e pão.

02. Fermentação Alcoólica

Etapas da fermentação alcoólica

Preparação do SubstratoInoculaçãoFermentaçãoMaturação e Armazenamento

Beneficios da fermentação alcoólica

Conservação: O etanol atua como conservante, impedindo o crescimento de muitos microrganismos patogênicos.Produção de Sabores e Aromas: A fermentação alcoólica desenvolve compostos aromáticos e de sabor, enriquecendo o produto final.Nutrição:Em produtos como pão, a fermentação pode aumentar a digestibilidade e a disponibilidade de nutrientes.

A produção local e o consumo sazonal são estratégias importantes para promover a sustentabilidade. Essa abordagem valoriza os recursos naturais e as tradições locais, beneficiando tanto produtores quanto consumidores.

Produção local e Consumo Sazonal

Qualidade e Frescor

Economia Local

Sustentabilidade

Benefícios da Produção Local

Redução da pegada ecológica, menor uso de combustíveis fósseis no transporte e valorização dos recursos naturais locais.

Pequenos produtores são beneficiados, aparecem novas oportunidades de emprego e mantém a tradução e variedade cultural

Alimentos mais frescos, com maior valor nutricional e sabor, e menor uso de conservantes e embalagens.

Redução da pegada de carbono

Transporte

Armanzenamento

Economia Local

Produção Sazonal

Benefícios Ambientais

Uso eficiente de recursos naturais

Redução da emissão de carbono

Conservação do Solo

Menos Conservantes e Aditivos

Melhor Valor Nutricional

Benefícios para a Saúde

A desidratação e a liofilização são processos de conservação de alimentos bastante semelhantes.

Alimentos desidratados e liofilizados

A desidratação remove a água dos alimentos por evaporação, reduzindo a sua atividade de água e inibindo o crescimento de microrganismos.

Desidratação

Este último processo faz com que as propriedades dos alimentos, cor, sabor, aroma, texturas e as propriedades nutritivas sejam conservadas.

Liofilização

De seguida, os alimentos passam por um processo de sublimação, são submetidos a uma pressão de ar muito baixa. Este processo faz com que as moléculas de água congeladas passem de imediato para o estdo gasoso, não passando pelo estado líquido.

Os alimentos são congelados.

Relação com a alimentação sustentável

Redução do desperdício

A longa vida útil evita o desperdício.

Uso eficiente de recursos

Aproveita melhor os alimentos, evitando perdas

Preservação da Biodiversidade

Pode ajudar a preservar a diversidades de espécies e diversidade de alimentos

A alimentação sustentável é um conceito que promove práticas alimentares com o menor impacto ambiental possível, integrando produção e consumo éticos e saudáveis. Além disso, enfatiza a redução do desperdício de alimentos e garante justiça social e económica, com condições justas de trabalho.

Alimentação sustentável

Práticas agrícolas regenerativas

Redução de desperdício de alimentos

Produção local e sazonal.

O que é alimentação sustentável

Promove o consumo de alimentos cultivados ou produzidos próximos ao local de consumo e em épocas apropriadas do ano.

Envolve práticas para minimizar perdas ao longo da cadeia alimentar, desde a produção até o consumo final.

São métodos que visam restaurar e melhorar a saúde do solo, da biodiversidade e dos ecossistemas.

Social beings. We need to interact with each other. We learn collaboratively.

Narrative beings. We teach through stories. They entertain us and help maintain attention.

We are visual beings.We are capable of understanding images from millions of years ago, even from other cultures.

Desafios para a Sustentabilidade Alimentar

Crescimento Populacional

Mudanças Climáticas

Perda de Biodiversidade

Applications

A genética desempenha um papel essencial na sustentabilidade alimentar ao desenvolver plantas e animais mais produtivos, resilientes e eficientes no uso de recursos. Isso inclui variedades resistentes a pragas e doenças, que exigem menos pesticidas, e cultivares que utilizam água e nutrientes de forma mais eficiente, contribuindo para a conservação ambiental.

Genética na sustentabilidade alimentar

A manipulação direta do DNA de um organismo, conhecida como engenharia genética, envolve a alteração deliberada dos seus genes para modificar características específicas. Essa tecnologia permite a alteração de DNA, resultando em organismos com atributos desejáveis, como resistência a doenças, maior produtividade e adaptação a condições ambientais adversas.

Engenharia Genética

Modificação de genes para resistência a pragas e doenças

Técnicas de engenharia genética

Biofortificação para aumento do valor tradicional

Melhoramento genético para maior eficiência no uso de recursos

Organismos cujas sequências de DNA foram alteradas para conferir características desejáveis.

Alimentos geneticamente moficados

Milho BT (resistente a pragas)

Soja RoundUp Ready (resistente a herbicidas)

Arroz dourado (enriquecido com vitamina A)

Social beings. We need to interact with each other. We learn collaboratively.

Narrative beings. We teach through stories. They entertain us and help to maintain attention.

We are visual beings.We are capable of understanding images from millions of years ago, even from other cultures.

Benefícios dos AGMs

Aumento da Produtividade

  • Maior rendimento por hectare;
  • Culturas mais resistentes a pragas e doenças.

Tolerância a Condições Adversas

  • Plantas que resistem a seca, salinidade e temperaturas extremas.

Enriquecimento Nutricional

  • Alimentos com maior conteúdo de vitaminas e minerais.

Uso eficiente de recursos

Contribuição dos AGMs para a Sustentabilidade

Redução do Desperdício

Segurança Alimentar

  • Menor necessidade de pesticidas e fertilizantes
  • Redução no uso de água

  • Maior vida útil dos alimentos
  • Redução das perdas pós-colheitas

  • Acesso a alimentos nutritivos em regiões carentes
  • Melhoria da saúde pública

CRISPR

Modificação Genética

Applications

https://www.unileverfoodsolutions.pt/Inspiracao/sustentabilidade/desidratacao-natural.htmlhttps://www.unileverfoodsolutions.com.br/dicas-e-servicos/seu-negocio/alimentos-desidratados.html https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2021/06/23/alimentos-liofilizados-trazem-mais-frutas-verduras-e-legumes-ao-prato.htmhttps://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2021/06/23/alimentos-liofilizados-trazem-mais-frutas-verduras-e-legumes-ao-prato.htm https://www.barnalab.com/blog/diferencia-deshidratacion-liofilizacion/https://riu.ufam.edu.br/bitstream/prefix/2935/2/Cleumilson%20Calafate%20Ferreira.pdfhttps://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/219858/1/RNCS-TAXA-DE-CRESCIMENTO-RELATIVO-ACUMULO-DE-NITROGENIO-E-2.pdfhttps://www.iberdrola.com/inovacao/modificacao-genetica-crisprhttps://brasilescola.uol.com.br/biologia/fermentacao.htmhttps://www.sobiologia.com.br/conteudos/bioquimica/bioquimica4.phphttps://pt.wikipedia.org/wiki/Fermenta%C3%A7%C3%A3o_l%C3%A1ctica

Bibliografia

Redução da emissão de carbono

Menos transporte Menor necessidade de armazenamento

Processo no qual ocorre produção de lactato, dióxido de carbono e etanol. As bactérias heterolácticas são mais importantes do que as homolácticas na produção de componentes de aroma e sabor.

Fermentação Heterolática

Permite o desenvolvimento de culturas mais resistentes, reduzindo a dependência de pesticidas e herbicidas.

Modificação de genes para resistência a pragas e doenças

Criação de variedades que utilizam água, nutrientes e luz solar de forma mais eficiente, reduzindo o impacto ambiental da agricultura.

Melhoramento genético para maior eficiência no uso de recursos

Frescura: Alimentos sazonais são geralmente mais frescos e têm um valor nutricional mais elevado, pois são consumidos logo após a colheita.Variedade Nutricional: Consumir uma variedade de alimentos ao longo do ano garante uma dieta mais balanceada, rica em diferentes nutrientes.

Alimentos produzidos localmente não precisam de ser transportados por longas distâncias, o que reduz a emissão de gases de efeito estufa associados ao transporte de alimentos.

Transporte

Produtos locais geralmente requerem menos tempo de armazenamento, diminuindo a necessidade de energia para refrigeração e preservação.

Armazenamento

Permite o enriquecimento de alimentos com nutrientes essenciais, abordando deficiências nutricionais em populações vulneráveis.

Biofortificação para aumento do valor nutricional

A fermentação homolática é o processo no qual o ácido láctico é o único produto da fermentação da glicose. As bactérias homolácticas podem extrair duas vezes mais energia de uma quantidade definida de glicose do que as heterolácticas.

Fermentação Homolática

Naturais e Saudáveis: Alimentos sazonais e locais são menos propensos a conter conservantes e aditivos químicos, que são frequentemente usados para prolongar a vida útil dos produtos fora de estação.

Conservação de solo

Rotação de Culturas: A agricultura sazonal incentiva a rotação de culturas, o que ajuda a manter a saúde do solo, prevenir a erosão e aumentar a biodiversidade.

Agricultura - Desenvolvimento de culturas mais resistentes a pragas e doenças.Medicina - Correção de mutações genéticas e tratamento de doenças hereditárias.Biotecnologia - Criar organismos geneticamente modificados com diversas aplicações.Pesquisa - Permite a criação de modelos precisos para o estudo de genes

Uso eficiente de recursos naturais

Menos Água e Energia: Cultivar alimentos na estação adequada geralmente requer menos recursos, como água para irrigação e energia para aquecimento ou resfriamentoMenos Pesticidas e Fertilizantes: Plantas que crescem nas condições ideais são mais saudáveis e menos suscetíveis a pragas e doenças, reduzindo a necessidade de químicos agrícolas.