Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

Problemas ambientais - biosfera

START

Realizado por: Clara, Madalena e Mafalda 9ºA

O que é a biosfera?

A biosfera é o agrupamento de todos os elementos naturais que favorecem e dão condições para a manutenção da vida no planeta. A “esfera da vida” ou biosfera é constituída por três elementos naturais de extrema importância para a vida na Terra, nesse caso estão a hidrosfera, atmosfera e litosfera.

+ Info

Problemas que afetam a biosfera:

- Mudanças climáticas;- Desmatamento;- Poluição;- Perda da biodiversidade;- Esgotamento de recursos naturais;- Degradação dos solos;- Lixo e resíduos sólidos.

Mudanças climáticas

- Aquecimento Global: O aumento das temperaturas globais devido ao aumento dos gases de efeito estufa, como o dióxido de carbono, metano e óxidos de nitrogénio. Este fenómeno é principalmente causado pela queima de combustíveis fósseis, desmatamento e outras atividades humanas. - Derretimento das Calotas Polares: O aumento das temperaturas está a causar o derretimento das calotas de gelo na Gronelândia e na Antártica, levando ao aumento do nível do mar e à perda de habitat para espécies polares.

+ Info

Desmatamento

A destruição das florestas tropicais e outros ecossistemas florestais para a agricultura, exploração madeireira e desenvolvimento urbano. Isto resulta na perda de biodiversidade, na destruição de habitats e no aumento das emissões de dióxido de carbono.

Poluição

- Poluição Atmosférica: Emissões de poluentes como dióxido de enxofre, óxidos de nitrogénio, monóxido de carbono e partículas finas provenientes de indústrias, veículos e outras fontes. Esta poluição pode causar problemas de saúde respiratória e cardiovascular. - Poluição da Água: Despejo de resíduos industriais, agrícolas e urbanos em rios, lagos e oceanos, levando à contaminação da água potável e à morte de espécies aquáticas. - Poluição do Solo: Uso excessivo de pesticidas e fertilizantes, além do despejo inadequado de resíduos, que contamina o solo e afeta a saúde das plantas, animais e humanos.

+ Info

Perda de biodiversidade

A destruição de habitats, mudanças climáticas, poluição e a introdução de espécies invasoras têm levado à extinção de inúmeras espécies de plantas e animais, reduzindo a biodiversidade global.

+ Info

Exploração excessiva de recursos naturais

A exploração excessiva de recursos naturais, como água, minerais e combustíveis fósseis, está a levar ao esgotamento desses recursos, o que pode causar crises ambientais e econômicas.

Degradação dos solos

Práticas agrícolas inadequadas, desmatamento e sobrepastoreio estão a levar à degradação dos solos, resultando em desertificação e perda de terras agrícolas produtivas. Existem diferentes causas para a degradação do solo, porém, há três em específico que se destacam: queimadas, desmatamento e ações do homem. A vegetação é de suma importância para que o solo fique protegido e os nutrientes continuem a circular nele.

+ Info

Lixo e resíduos sólidos

O aumento da produção de lixo, especialmente plásticos, está a causar sérios problemas ambientais. O lixo plástico, em particular, está a poluir os oceanos e a prejudicar a vida marinha.

+ Info

+ Info

+ Info

+ Info

Ações, medidas de prevenção e de proteção

Combate às alterações climáticas

Conservação da biodiversidade

Gestão sustentável dos recursos naturais

Redução da poluição

+ Info

+ Info

+ Info

+ Info

Ações, medidas de prevenção e de proteção

Educação e sensibilização ambiental

Governamento e políticas públicas

cooperação internacional

Ajudas tecnológicas

Repensar

Reciclar

Reutilizar

Reduzir

Recusar

+ Info

Os 5 R's

+ info

When we are told a story, it excites us, it can even move us, making us remember the stories up to 20 times more than any other contentwe may consume.

Questões

1/3

Questões

2/3

Questões

3/3

FIM!

- Agricultura Sustentável: Promover práticas agrícolas sustentáveis, como a rotação de culturas, agroflorestação e uso reduzido de pesticidas e fertilizantes químicos. - Pesca Sustentável: Implementar quotas de pesca baseadas em dados científicos e promover a aquicultura sustentável para reduzir a pressão sobre as populações selvagens de peixes.

- Programas Educativos: Incorporar a educação ambiental nos currículos escolares para aumentar a consciencialização das gerações mais jovens sobre a importância da conservação da natureza. - Campanhas de Sensibilização: Realizar campanhas públicas para sensibilizar a população sobre as ameaças à biosfera e as ações que podem ser tomadas a nível individual e comunitário

- Gestão de Resíduos: Melhorar os sistemas de gestão de resíduos sólidos e líquidos, promovendo a reciclagem, compostagem e redução do uso de plásticos; - Controlo da Poluição Industrial: Implementar regulamentações mais rigorosas para controlar a emissão de poluentes industriais para o ar, água e solo.

- Investimento em Pesquisa: Investir em pesquisa científica para desenvolver novas tecnologias e métodos de conservação e mitigação ambiental. - Monitorização e Avaliação: Implementar sistemas de monitorização e avaliação contínua do estado da biosfera para ajustar políticas e ações conforme necessário.

- Legislação Ambiental: Desenvolver e reforçar a legislação ambiental, garantindo a sua implementação e cumprimento eficaz. - Incentivos Económicos: Oferecer incentivos económicos para práticas sustentáveis, como subsídios para energias renováveis e impostos sobre a poluição.

- Acordos Globais: Participar ativamente em acordos e convenções internacionais, como o Acordo de Paris sobre as Alterações Climáticas e a Convenção sobre a Diversidade Biológica. - Transferência de Tecnologia: Promover a transferência de tecnologia verde e boas práticas entre países para enfrentar conjuntamente os desafios ambientais.

- Áreas Protegidas: Ampliar e gerir eficazmente as áreas protegidas, como parques naturais e reservas marinhas, para conservar habitats e espécies em risco; - Planos de Ação para Espécies Ameaçadas: Desenvolver e implementar planos de ação específicos para a conservação das espécies mais ameaçadas.

- Redução de Emissões de Gases com Efeito de Estufa: Implementar políticas para reduzir as emissões de CO2 e outros gases nocivos através do uso de energias renováveis (solar, eólica, hídrica), promoção da eficiência energética e transição para transportes sustentáveis; - Reflorestação e Proteção das Florestas: Incentivar programas de reflorestação e proteger as florestas existentes, que atuam como sumidouros de carbono naturais.